Reflexão sobre saúde

12/07/2019
Daiana

O conceito de saúde reflete a conjuntura social, econômica, política e cultural. Ou seja: saúde não representa a mesma coisa para todas as pessoas. Dependerá da época, do lugar, da classe social. Dependerá de valores individuais, dependerá de concepções científicas, religiosas, filosóficas. O mesmo, aliás, pode ser dito das doenças.

Na visão religiosa já se disse que a doença resulta da ação de forças alheias ao organismo, que neste se introduzem por causa do pecado ou de maldição.

Hipócrates (o pai da Medicina) disse a seguinte afirmação “A doença chamada sagrada não é, em minha opinião, mais divina ou mais sagrada que qualquer outra doença; tem uma causa natural e sua origem supostamente divina reflete a ignorância humana”.

Seguidores dão a saber que Hipócrates utilizou a filosofia como aliada da medicina, entendendo que a abordagem racional utilizada nesta disciplina seria o tipo de abordagem adequada para tratar os males da saúde, buscando na natureza as causas e a solução. Estabeleceu que, ao invés de uma punição dos deuses, as causas da maioria das doenças seriam fatores climáticos, alimentares e hábitos cotidianos.

Em outras culturas permaneceu a abordagem espiritual no desenvolvimento sobre o tema. Exemplo, era o xamã, o feiticeiro tribal, quem se encarregava de expulsar, mediante rituais, os maus espíritos que se tinham apoderado da pessoa, causando doença. O objetivo é reintegrar o doente ao universo total, do qual ele é parte. Esse universo total não é algo inerte. A união do microcosmo que é o corpo com o macrocosmo faz-se por meio do ritual.

Além do mais , no homem existe um lado oculto que é tão ativo como o ser físico que contemplamos. As transgressões às leis divinas nos planos de ação mental e moral, são tão  responsáveis pelos transtornos físicos, como o é o lado oculto da Lua na formação das marés (Max Hendel).

A mente humana, portanto, quando dirigida positivamente pelo Espírito, pode alcançar grandes coisas continuamente em todas as fases da vida. Assim, uma atitude mental construtiva, criativa, é a chave de nossos poderes internos de fortaleza, saúde, coragem e equilíbrio.

A força interna auxilia no modo de existir (SER) como criação de realidade de você. Um convite para o movimento da vida harmoniosa que une e rege os elementos.

Estamos no Cosmos, e como totalidade somos influenciados e por vezes atraídos para essa dança entre micro e macro no espaço-tempo.  Saber pensar, ter consciência para as transformações e transmutações constantes no movimento entre as polaridades.

Desperta o questionamento de autoconhecimento e atenção para os nossos comportamentos, como se solicitasse uma presença em si, auto-observação e amor próprio.

Alinhamento para o equilíbrio, e aprofundar  o bem integral com renovação. Uma junção entre  corpo ,alma e espírito.

Saúde tange englobar os subconjuntos e tudo se encaixa para liberar o tônus na sua imagem. Para a prática sã, livre, ativa, ser (sendo) fluente no meio. Dar via de possibilidade para a manifestação correta e compreender que nada é permanente.

Posts relacionados

Saúde

Corpo perfeito para o CARNAVAL em 30 dias 

Karelin Cavallari
Saúde

Dores de cabeça na gravidez 

Mariana Costa
Saúde

14ª SEMANA DE GESTAÇÃO

Mariana Costa

Cadastre-se e receba novidades e atualizações por e-mail.